Contagem regressiva

Tempo restante do último período de jornalismo:




Busca

QUEM?

Everaldo Vilela tem 25 anos e cursa o 8º período de jornalismo na PUC Minas. É Atleticano... [continua...]

Na maioria das vezes, bem humorado.

Lembre-se:
Quanto maior a dor maior o alívio.

Everaldo está no Orkut.

Tem fotos no flickr e também vídeos no youtube.

Contato: blog@everaldovilela.com

Lendo

Banalogias - Francisco Bosco

Cem Anos de Solidão - Gabriel García Márquez

Ensaio sobre a cegueira - José Saramago

ARQUIVO

Últimas postagens

Está com fome? O computador é a solução

Carlitos é pop

Mais uma vez: O ombudsman

"O sertão vai virar 'mar'"

Ombudsman

Eles queriam ser ouvidos?

Criticou e faz a mesma coisa - mais uma vez

Ombdusman da Folha critica a cobertura do jornal n...

O 'inferno' é aqui?

Mais um jornal, literalmente, na internet

Torcedor




101 JOGOS
49 VITÓRIAS
21 EMPATES
31 DERROTAS
Fez 185 gols e sofreu 128

Os números dos 100 jogos aqui e a lista dos confrontos aqui.

Último jogo: Galo 2 x 1 Náutico

Não deixe de ouvir

Cidadão Quem
Engenheiros do Hawaii
Os Paralamas do Sucesso
Pato Fu
Tianastácia

Não deixe de ver

Bafafa!
Blog prof. Caio Cesar
Blog do Tas
Charge OnLine
Cia Boa Notícia
Cocadaboa.Com
Comédia Stand-up
Como tudo funciona
Desencannes
Duke - chargista
Hipermeios
Le Troca
Michel Melamed
MP3tube
Música de bolso
Palavras Cruzadas
Stand-up Comedy Brasil



Clube Atlético Mineiro



Powered by Blogger



Template de Everaldo Vilela

Home • Está com fome? O computador é a solução » • Carlitos é pop » • Mais uma vez: O ombudsman » • "O sertão vai virar 'mar'" » • Ombudsman » • Eles queriam ser ouvidos? » • Criticou e faz a mesma coisa - mais uma vez » • Ombdusman da Folha critica a cobertura do jornal n... » • O 'inferno' é aqui? » • Mais um jornal, literalmente, na internet »

O ProUni - Programa Universidade para Todos - "tem como finalidade a concessão de bolsas de estudos integrais e parciais a estudantes de baixa renda, em cursos de graduação e seqüenciais de formação específica, em instituições privadas de educação superior, oferecendo, em contrapartida, isenção de alguns tributos àquelas que aderirem ao Programa."[ mais...]

O ENEM - Exame Nacional do Ensino Médio "tem como finalidade oferecer parâmetros aos alunos para se auto-avaliarem e servir como alternativa de critério para testes de emprego ou vestibulares." [mais...]

Eu fiz a avaliação do ENEM em 2001.

O ProUni entrou em vigor em janeiro de 2005. Na ocasião os alunos que fizeram o ENEM poderiam se inscrever no programa. O baixo número de inscrições levou o governo a extender as incrições aos alunos que prestaram o exame nos anos de 2004, 2003 e, posteriormente, extenderam ainda aos alunos que se submeteram ao exeme em 2002. E 2001??

Por outro lado, as universidades que aderiram ao ProUni , passaram a adotar somente o programa para conceder suas bolsas. A PUC Minas é um exemplo. [ veja aqui] Em conseqüência disso muitos alunos não puderam se submeter ao processo de concessão de bolsas de estudo.
Logo, o ENEM que fiz em 2001 não serve para absolutamente nada.

Diante de tal situação, o negócio é fazer o ENEM novamente com mais 3,7 milhões estudantes. Bandeira do Governo Lula, o ProUni levou estes estudantes a realizar o ENEM, "salvando" o exame que até então ninguém sabia para que servia.


Agora em 2006 é cada um por si

Com mais de 3,7 mi inscritos, estamos vendo o quão desorganizado está o exame. O que reforça a minha idéia de que a necessidade do governo de fornecer números expressivos na área social fez com que o ProUni pecasse em alguns aspectos.
Basta ir a uma agência dos correios para ver pessoas deseperadas atrás de informação.
E o cenário é o seguinte:
Não conheço ninguém que vai fazer a prova e que tenha recebido a confirmação com o local de prova. Resta então, ir até o site e consultar: sem sucesso. Além de congestionado, várias pessoas se deparam com a seguinte informção: "Participante não encontrado".

Resta então ligar para 0800-616161 onde, após uma saudação cordidial, ouve-se os seguintes dizeres:
"Vamos transferir sua ligação para um de nossos operadores" ...
"Estamos transferindo sua ligação para um de nossos operadores" ...
"Estamos recebendo um grande volume de ligações , ligue para 0800-7216161. "
Ok. Ligo para o novo número e ouço a mesma mensagem acima em seguida: "todos os atendentes estão ocupados, tente mais tarde" e desligam a ligação.
Curiosamente, não me dão nem o direito de esperar...
Não conseguindo a informação via telefone, vá até uma agência dos correios e ouça: 'A informação que temos é que, quem não conseguir consultar o local de prova pode ir a qualquer lugar onde a prova será realizado portanto identidade e comprovante de inscrição'.
Entenderam? Qualquer lugar. Já pensou se 5000 pessoas vão até o mesmo lugar?

Enfim: Isso demonstra a falta de organização e a correria em busca de números, pois é isso que o governo está preocupado, em mostrar números.

Se estivesse de fato preocupado em um ensino superor de qualidade não teria "comprado" milhares de vagas na rede particular de ensino superior e sim, investido na universidade pública, oferecendo mais vagas. Investido no ensino médio, capacitando os estudantes tornando-os "competitivos" na conquista de uma vaga na universidade pública.

Mas para quê né!? Deve ser tão interessante para eles [governo] as coisas como estão...
A nós, resta correr atrás, afinal está mais que provado que o problema é nosso!

  ::: Blogger Anie Karenina comenta:
Eu já expressei várias vezes a minha opinião, e continuo a pensar da mesma forma... aprovo o ENEM, desde que ele realemente seja JUSTO!

Entra na faculdade quem tem condição para tal. O pior é que além de comprar as vagas, colocam lá pessoas que não têm estrutura escolar para estar numa universidade. Isso é o pior, pois além de enganar o povo, engana o aluno. A faculdade não vai fazer milagre e ensinar em 4 anos o que a pessoa deveria ter aprendido em 11 anos de ensino fundamental e médio. Investir em educação básica é premissa básica para que esse projeto dar certo.
26/8/06 18:09

  ::: Blogger Juliana Soraia comenta:
Ótima matéria everaldo, pena que as pessoas se deixam enganar e não procuram informações precisas sobre o assunto. Eu também fiz o enem em 2001, ano em que me formei, e quando fui a internet me inscrever fiquei surpresa ao saber que 2001 não servia para nada. Educação não é mesmo prioridade do governo, estuda quem tem dinheiro, do contrário, temos que nos contentar com o mísero 2º grau....
Valeu...
10/9/06 17:35

Postar um comentário